O Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM) recebe, a partir do dia 16 de dezembro, às 16h, o projeto Acústicos no MAM, com a apresentação especial de estreia da cantora Daniela Mercury. A artista apresenta Afro Cyber Retrô, show acústico-percussivo preparado especialmente para o projeto. A primeira edição conta ainda com show da banda Lê Fulerê e apresentação das DJs Tricy e Karen Machado.

Os ingressos no primeiro lote custam R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia) e já estão à venda no Sympla e Partiu Balada. O projeto apresenta shows de importantes nomes da música brasileira, tanto do cenário local, quanto nacional. A proposta é oferecer opção de lazer para quem gosta de estar no ar livre para contemplar o que há de melhor no verão de Salvador: mar, pôr-do-sol, música e arte.

Dessa forma, o MAM põe em prática a sua política de convivência com o multiculturalismo e diálogo com outras linguagens, ampliando com o Acústicos no MAM a sua relação com a música, enfatizando sua atuação no fomento e difusão das artes visuais, que a rigor é o objeto de atuação do Museu de Arte Moderna da Bahia.

A iniciativa coloca o MAM alinhado com outros museus no mundo, que também têm aberto as suas portas para eventos que exploram outras linguagens. A ideia é aproximar o museu de outras linguagens artísticas que vão além das artes visuais. Para tanto, o museu estará com os seus espaços expositivos abertos durante as edições do ACÚSTICOS NO MAM, no empenho da formação de novas plateias para a frequência dos espaços museais.

O show 

Daniela Mercury apresenta AFRO CYBER RETRÔ, um show acústico-percussivo. Apenas com guitarra e percussão, a cantora prestigia os sambas afro do seu repertório, incluindo a novíssima Pantera Negra Deusa. No repertório, ela passeia por releituras percussivas de Dorival Caymmi, Tom Jobim e parcerias de Vinicius de Moraes com Baden Powel. Em um delicioso lounge à beira mar, o novo show foi criado especialmente para abrir o projeto Acústicos no MAM.

O evento é uma realização da E33 Entretenimento, com apoio do Governo do Estado via Secretaria de Cultura do Estado e do Museu de Arte Moderna e patrocínio da Rappi, Sobieski e Beefeater.

Foto: Luciano Oliveira / GOVBA