O cantor Saulo e a Orquestra Juvenil da Bahia fazem show inédito no dia 9 de novembro, às 20h30, no Cerimonial Rainha Leonor – Pupileira, da Santa Casa da Bahia. Os ingressos, que custam R$ 120, R$ 100 e R$ 80, já estão à venda no local do evento, de segunda a sábado, das 8h às 18h, e no Balcão Pida do Salvador Shopping.

“O NEOJIBA abraça toda a Bahia, se juntando ao querido Saulo para um lindo concerto filantrópico que ficará marcado nos corações de todos”, adianta o maestro Ricardo Castro, numa prévia do que o público pode esperar desse encontro.

O espetáculo contará com as principais músicas do repertório de Saulo tocadas com os arranjos sinfônicos da Orquestra Juvenil da Bahia, principal formação dos Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia (NEOJIBA). Esta será a segunda edição do projeto NEOJIBA Convida, que em 2017 contou com a participação do cantor Arnaldo Antunes. A Santa Casa da Bahia, uma das mais tradicionais instituições filantrópicas do Estado, também assina a realização do concerto.

“Esse show é mais um marco da parceria vitoriosa que temos com o programa NEOJIBA e que já gerou tantos frutos ao longo de cinco anos. Temos contribuído juntos com a transformação de centenas de jovens por meio da música”, afirma o provedor da Santa Casa da Bahia, Roberto Sá Menezes.

Os recursos financeiros arrecadados com o show serão utilizados para auxiliar na manutenção e na sustentabilidade do programa NEOJIBA e também serão direcionados às atividades de assistência social da Santa Casa da Bahia, que atendem cerca de 3 mil pessoas direta e continuamente.

Fará a abertura do concerto a Banda Sinfônica da Paz, composta por crianças e adolescentes moradores do Bairro da Paz que integram o Núcleo de Prática Musical localizado naquela comunidade, fruto da parceria entre a Santa Casa e o programa NEOJIBA.

Sobre Saulo

Após onze anos, seis CDS e três DVDs gravados à frente da Banda Eva, em 2013, Saulo iniciou sua carreira solo. De lá para cá, gravou três álbuns: Saulo ao vivo, Baiuno (em 2015) e O Azul e o Sol (em 2017).  Com sucessos como Raiz de todo bemTerra Nossa e Tudo certo na Bahia, Saulo tem atraído multidões ao longo de sua carreira além de comandar projetos de sucesso como Canto de Rua, Pipoca do Saulo e Saulo Som e Sol. Pelas apresentações no Carnaval ,já recebeu as principais premiações da folia baiana como os Troféus Dodô e Osmar, Band Folia e Castro Alves.

Sobre o NEOJIBA

Os Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia (NEOJIBA) têm como objetivo promover o desenvolvimento e a integração social prioritariamente de crianças, adolescentes e jovens em situações de vulnerabilidade, por meio do ensino e da prática musical coletivos. Criado em 2007 a partir da iniciativa de seu diretor fundador, o maestro e pianista Ricardo Castro, o programa NEOJIBA tornou-se uma das ações prioritárias do Governo do Estado da Bahia. Vinculado à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (Justiça Social), beneficia atualmente cerca de 6,5 mil crianças, adolescentes e jovens direta e indiretamente em todo o estado.

Desde 2013, o programa NEOJIBA mantém Núcleo no Bairro da Paz em parceria com a Santa Casa da Bahia. Composto por crianças e adolescentes, entre 8 e 18 anos, funciona dentro do Programa Avançar – Centro de Referência em Promoção Social e Capacitação, espaço da Santa Casa da Bahia. O Núcleo oferece ensino musical, através da prática orquestral e coral, cria e coordena grupos autônomos de orquestra e coro, e realiza um trabalho de mobilização comunitária para promover a difusão e o acesso à música. O destaque do Núcleo Bairro da Paz é Banda Sinfônica da Paz, uma grande formação musical de instrumentos de sopros e percussão.

Sobre a Santa Casa da Bahia

Fundada em 1549, mesmo ano da cidade de Salvador, a Santa Casa da Bahia foi a única entidade do Estado a prestar assistência aos baianos por cerca de 200 anos. Hoje, além de atuar na área de saúde, presta serviços em ensino e pesquisa, cultura, assistência social e educação infantil. Nos campos social e da educação infantil, a Santa Casa da Bahia mantém a Casa de Saúde Solange Fraga, que acolhe pacientes infantojuvenis oriundos do interior do Estado, em tratamento de câncer e cardiopatia no Hospital Santa Izabel pelo SUS. A instituição ainda é responsável pelo funcionamento de seis Centros de Educação Infantil no Bairro da Paz, com 600 alunos, e contabiliza mais de 10 mil atendimentos sociais por ano a crianças, jovens e adultos da mesma comunidade no Programa Avançar.

 

 

Foto: Divulgação