No mês em que se comemora o Dia Nacional do Estagiário (celebrado no dia 18 de agosto), a Prefeitura promove um evento especial para os estudantes que atuam diariamente como aprendizes nos órgãos do Município. Com o tema “Educação financeira voltada para jovens: por que ela é importante”, o evento ocorrerá na próxima segunda (20), entre 8h e 11h30, no Hotel Bahia Othon Palace.

A programação contará com café da manhã, mesas redondas, palestra, atividade cultural e sorteio de brindes. O titular da Secretaria Municipal de Gestão (Semge), Thiago Dantas, participará da mesa de abertura, ao lado do superintendente do Instituto Euvaldo Lodi – BA (IEL), Evandro Mazo, do diretor geral de Gestão de Pessoas da Semge, Eduardo Merlin, e da gerente central de Políticas de Pessoas, Mariana Trocoli.

Exemplo – Nesse mês emblemático, a Semge foi vencedora do Prêmio IEL de Estágio 2018 na categoria Estagiário Destaque, e finalista da categoria Empresa Destaque – Órgão Público. Iuri de Sá, de 18 anos, foi o estudante agraciado, durante evento realizado na Federação das Indústrias da Bahia (Fieb), no dia 1º de agosto.

Não se acomodar, inovar, anotar as tarefas, ter vontade de aprender e ser comunicativo foram alguns dos ingredientes citados por Iuri para ser um bom estagiário. “Fiquei muito contente ao ver o meu esforço ser reconhecido. O prêmio estimula o estudante a se dedicar ainda mais e investir no crescimento profissional e pessoal”, opinou.

O estudante cursa o terceiro ano do Ensino Médio à tarde e estagia pela manhã na Procuradoria Geral do Município (PGM), onde desenvolve funções como atender telefone, preparar planilhas, distribuir e arquivar processos judiciais. Para ele, o ambiente de trabalho também é um fator importante para o desenvolvimento do estudante.

“Os profissionais da procuradoria são muito competentes e solícitos ao lidar com os estagiários. Nós temos liberdade em tirar dúvidas e eles demonstram interesse em nos ensinar. Essa relação proporciona um ambiente agradável e propício ao processo de aprendizagem”, afirmou.

Essa é a primeira vez que a Semge participa da premiação. Segundo o diretor geral de Gestão de Pessoas, Eduardo Merlin, um dos diferenciais do programa de estágio da Prefeitura são as Unidades de Desenvolvimento do Trabalho e Prática Profissional (UNITPs), voltadas para estudantes de nível superior e tecnólogo. A iniciativa direciona os estudantes para o desenvolvimento de um projeto, por meio da atuação de uma equipe multidisciplinar, que inclui estudantes de áreas como Direito, Administração e Tecnologia da Informação.

“O prêmio do IEL mostra que a política que temos adotado em relação aos estágios tem dado certo. O estágio proporciona duas contribuições importantes para o setor público: a primeira é a oxigenação para a administração pública porque o aluno nos traz um pouco do que está aprendendo na escola e academia, e a segunda é a desmistificação da gestão pública, que passa a ser vista como uma área interessante para fazer carreira também”, opina Merlin.

Unidades – A primeira UNITP foi criada na PGM com o objetivo de tratar 40 mil execuções fiscais que estavam represadas. Com o apoio de uma equipe de Tecnologia da Inovação, foi desenvolvido um programa para tratar desses processos de forma diferenciada e automatizada.

Sob a supervisão da procuradora e coordenadora da UNITP, Thais Caldas, os estagiários criaram um catálogo de petições, dando maior segurança e rapidez ao trabalho; um sistema de duplo controle, para que os processos que já tinham sido analisados fossem revisados, eliminando as chances de erro; um fluxograma explicativo para os novos estagiários que entram; um manual, a partir das experiências das equipes; um grupo de estudo para discussão de temas de trabalho e um concurso interno com premiação de livros.

O resultado de todo o empenho foi a produção de 12.790 execuções fiscais em 2016 e de 22.203 em 2017, o que representa um incremento de 73,6%. Atualmente, a Prefeitura conta com 1.555 estagiários, dentre os quais 759 são da Rede Municipal, 197 são do Ensino Médio e 599 do Ensino Superior.

Prêmio – Criado em 2004, por uma iniciativa do IEL/BA em parceria com o Fórum de Estágio da Bahia, o prêmio tem como objetivo principal identificar as boas práticas de estágio na Bahia. Para a seleção dos vencedores são avaliadas características como atração, desenvolvimento e retenção de estagiários (para a empresa ou órgão público concorrente) e perfil, redação e argumentação (para o estagiário concorrente).

Foto: Reprodução site www.previg.org.br