O duelo entre River Plate e Boca Juniors, pela final da Libertadores, no Monumental, foi adiada. Inicialmente, a partida estava marcada para o último sábado, mas acabou sendo remarcada para este domingo. No entanto, os xeneizes enviaram um pedido formal à Conmebol para que o jogo tivesse uma nova data, que ainda será anunciada.

Haverá uma reunião na próxima terça-feira, de manhã, na sede da Conmebol, no Paraguai, com a presença dos presidentes dos dois clubes, para decidir dia, horário e local da decisão. O campeão sul-americano tem que ser conhecido a tempo de participar do Mundial de Clubes da Fifa, nos Emirados Árabes Unidos. A estreia será no dia 18 de dezembro, na semifinal.

No entanto, uma situação fora do âmbito esportivo, deixa o calendário para a escolha da nova data ainda mais apertado. O presidente da Conmebol, o paraguaio Alejandro Domínguez, afirmou que o governo argentino, por razões de segurança, pediu para que a final não seja jogada esta semana, por causa da Cúpula do G-20, reunião dos chefes de Estado e de Governo das 20 maiores economias mundiais, que será realizada em Buenos Aires nos dias 30 de novembro, sexta, e 1º de dezembro, sábado.

Em entrevista à “Fox Sports” argentina, o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, afirmou que a decisão foi tomada para que não houvesse “desigualdades esportivas”.

“Não havia condições esportivas. Não queremos que haja desigualdades esportivas. (Queremos) Um bom espetáculo esportivo. Que não haja desculpa.”

Apesar da decisão, Domínguez garantiu que a partida será disputada. A data, no entanto, ainda será discutida com os presidentes de Boca Juniors e River Plate.

– Esta não é uma suspensão, é um adiamento. Em conjunto com os presidentes, vamos remarcar a partida. Vamos buscar a data adequada, a partida será disputada.

Entenda a confusão passo a passo:

1 – Sábado, 24/11, à tarde: Ônibus do Boca Juniors é atacado por torcedores do River a caminho do Monumental

2 – Sábado, 24/11, à noite: Em acordo com os clubes, Conmebol adia a decisão para domingo

3 – Sábado, 24/11, à noite: Após adiamento, tumulto nas ruas próximas ao estádio. Veja fotos!

Fonte: G1