O prefeito ACM Neto assinou, neste sábado (25), por volta das 10 horas, a ordem de serviço para instalação da piscina olímpica de Salvador. O equipamento será implantado na Avenida Octávio Mangabeira, na Orla da Pituba, na área do antigo Clube Português, em um grande Centro Aquático que vai estimular a prática de esportes de alto rendimento, como natação, nado sincronizado, salto ornamental, polo aquático e maratona aquática. O ambiente terá capacidade para receber 700 pessoas na torcida, divididas em duas arquibancadas, uma fixa e uma móvel. A solenidade de assinatura da ordem de serviço aconteceu no local onde será instalada a piscina, na Praça Wilson Lins (antigo Clube Português).

Com 25 metros de largura por 50 metros de comprimento e 2 de profundidade, a piscina será implantada graças a um acordo de cooperação técnica entre o município, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel); a Aeronáutica, responsável pela aquisição do equipamento; o Ministério dos Esportes, que definiu as cidades que receberiam as piscinas; e a Myrtha Pools, empresa italiana que fabricou e vai montar a piscina olímpica na capital baiana. A previsão é que as obras para a instalação sejam concluídas até o final desse ano. O equipamento completo deve ser entregue em março de 2018, durante o aniversário da cidade. Além disso, a Vila Jardim dos Namorados vai requalificar aquela área da orla de Salvador. A Praça Wilson Lins vai passar por reformas, e será integrada, com piso intertravado, à Praça Nossa Senhora da Luz.

 

Foto: Divulgação/Secom