Depois do triunfo do Bahia de virada por dois a um sobre o Avaí, na casa do adversário, o torcedor promete fazer a festa no próximo domingo, na Arena Fonte Nova, quando vai enfrentar o Atlético-MG. Se conseguir vencer, o tricolor irá a 48 pontos e poderá seguir pensando até mesmo em beliscar uma vaga na Libertadores em 2018.

Autor dos dois gols na partida de ontem, o atacante Edigar Junio convocou a torcida tricolor para encher a Fonte e atuar durante os 90 minutos como o 12º jogador do Esquadrão.

Time com a quinta maior média de público do Brasileirão 2017, o Bahia registra uma média superior a 20 mil torcedores pagantes por jogo. Nesse quesito o Bahia segue atrás do quarteto Corinthians (39.100), São Paulo (34.493), Palmeiras (30.837) e Grêmio (20.843).

No comando do Bahia por sete jogos, com quatro triunfos, dois empates e uma derrota, o técnico Paulo César Carpegiani falou sobre a partida durante coletiva de imprensa.

“Sempre que puder escolher jogar bem um tempo, prefiro jogar o segundo tempo melhor. Foi o que aconteceu. Entramos frouxos. Achamos que iríamos decidir, não menosprezando o Avaí, mérito da equipe adversária, mas entramos muito frouxos. Fazendo faltas, principal jogada do Avaí é bola parada, fizemos muitas faltas perto da área, o gol se originou de uma entrada do centroavante por trás [da defesa], isso originou o gol e complicou um pouco mais o jogo”.

Ainda de acordo com Carpegiani, no segundo tempo as coisas mudaram. “Colocamos a bola no chão, controlamos o jogo, faltou um pouco de contundência, mas tivemos um domínio claro. O placar foi justo pelo segundo tempo que fizemos. No segundo tempo conseguimos recuperar a forma como quero que o time jogue. Os jogadores se comportaram bem e mereceram a vitória, pelo segundo tempo, que foi de domínio de jogo”, acrescentou.

Com a zona de rebaixamento sendo agora coisa do passado, o meia Zé Rafael acredita que o time pode sim pensar em voos mais altos como uma vaga na Libertadores. “Acho que foi. Agora chegamos em um nível de pontuação intermediário e pensamos em objetivos maiores. Se há duas ou três rodadas atrás a briga era para fugir da zona, agora é para entrar na zona de Libertadores. Fizemos um bom segundo tempo, diferente do primeiro, onde não conseguimos encaixar o jogo. Todo mundo está de parabéns”, afirmou o atleta.

Para a partida contra o Atlético-MG os ingressos já estão à venda.

Quinta e sexta (9 e 10/11)
Site da Arena Fonte Nova – 24h;
Bilheteria Norte da Arena – 10h às 16h;
Ticketmix – Shopping da Bahia (9h-22h), Shopping Salvador (9h-22h) e Shopping Cajazeiras (9h-21h). Apenas inteira e meia de Oeste, além de Lounge;
Loja Oficial do Bahia – Salvador Norte (9h-22h), Bela Vista (9h-22h) e Estrada do Coco (9h-21h). Apenas inteira de Oeste e Lounge.

Sábado (11/11)
Site da Arena Fonte Nova – 24h;
Bilheteria Norte da Arena – 10h às 16h;
Ticketmix – Shopping da Bahia (9h-22h), Shopping Salvador (9h-22h) e Shopping Cajazeiras (9h-21h). Apenas inteira e meia de Oeste, além de Lounge;
Loja Oficial do Bahia – Salvador Norte (9h-22h), Bela Vista (9h-22h) e Estrada do Coco (9h-18h). Apenas inteira de Oeste e Lounge.

Domingo (12/11)
Site da Arena Fonte Nova – Até 16h30;
Bilheterias da Arena – A partir das 9h.

Foto: ECB Divulgação