O Bahia conseguiu mais um importante triunfo no Brasileirão. Com um jogador a mais desde os 9 minutos do primeiro tempo (expulsão correta do volante Henrique), o Tricolor de Aço bateu o Cruzeiro com gol de Edigar Júnior e avançou à 6ª colocação, entrando na Zona de classificação para a Libertadores.

Bahia começou o jogo muito bem. Pressionou o Cruzeiro no seu campo de defesa e provocou a expulsão do jogador adversário, que derrubou Edigar Júnior quando ele se encaminhava para finalizar de frente para Fábio. O tricolor seguiu pressionando e numa cobrança rápida de falta, aos aos 17 minutos, Allione trocou passes com Zé Rafael e cruzou para Edigar concluir de cabeça e fazer 1×0.

Bahia manteve o controle do jogo na primeira etapa, obrigando Fábio a boas intervenções, especialmente em chute de Vinícius. Cruzeiro teve grande chance com Robinho, mas Jean salvou o Bahia. No fim do primeiro tempo, Juninho ainda acertou a trave em bela cobrança de falta.

Na segunda etapa, Cruzeiro avançou suas linhas e mesmo com um jogador a menos levou mais perigo ao Bahia. Thiago Neves perdeu grande chance aos 14 minutos, quando finalizou livre após cruzamento de Alisson, mas Matheus Reis, em cima da linha salvou o Bahia. Time mineiro seguiu pressionando, porém Bahia levou grande perigo em três oportunidades, com outra bola na trave em cabeceio de Edigar, com um chute perigoso do estreante Mendonza (que substituiu Allione) e com um chute cruzado novamente de Edigar, que obrigou Fábio a grande defesa, já nos acréscimos.

O apito final garantiu os 100% em casa do Bahia, que foi a 9 pontos, com 3 vitórias e 6 gols de saldo, para alegria dos quase 19 mil pagantes na Fonte Nova. O próximo compromisso do Bahia será contra o Grêmio em Porto Alegre, na próxima segunda-feira.

Detalhe: Bahia não vencia o Cruzeiro na Fonte Nova há 23 anos. Estava na hora.