Está previsto para o início de julho o lançamento, pelo governo, federal, de um programa intitulado de Progredir que propõe incentivar aos beneficiários do Bolsa Família entrarem no mercado formal de trabalho. Dessa forma, a idéia é fazer a inserção de parte dos 13,4 milhões de famílias, um terço delas, que recebem a assistência mensal. O governo pretende com o Progredir, que tem o orçamento de 100 milhões de reais, reunir algumas iniciativas para que os brasileiros busquem o registro formal de emprego sem ter medo de perder o benefício do Bolsa Família.

O ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, em declarações à agência Reuters, enfatizou que “O Estado. tem que priorizar que essas famílias tenham oportunidade de ter emprego, renda. E não precisar mais do Bolsa Família.

foto: amp