O Centro Odontológico da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública realizará, no próximo dia 11 de dezembro, a partir das 7h30min, uma pré-triagem para o cadastro de novos pacientes para o ano 2018. A unidade fica localizada na Av. Silveira Martins, nº 3.386, Cabula. A previsão de início dos atendimentos é março do próximo ano e serão realizados de forma gratuita.

 

Para ser atendido, o paciente deve levar apenas o RG, CPF, comprovante de residência e cartão do SUS. “Os atendimentos não são feitos por meio do Sistema Único de Saúde, porém, para a segurança do paciente, solicitamos a apresentação do cartão para que, no caso de alguma intercorrência, ele possa ser seguramente encaminhado para uma unidade pública de saúde”, explica a responsável técnica do Centro Odontológico da Bahiana, Cecília Azoubel.

 

Por meio do sistema clínica escola, a unidade de saúde atente ao público gratuitamente oferecendo todas as especialidades odontológicas, entre elas, dentística, endodontia, periodontia, prótese, implantodontia, odontopediatria, estomatologia, cirurgia bucomaxilofacial, além de realizar exames como tomografia, radiografia panorâmica, teleradiografia e radiografias periapicais, interproximais e oclusais a preços populares.

 

A Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública assinou contrato para a compra de 120 cadeiras de dentistas para renovar a infraestrutura do seu Centro Odontológico, que atende, por ano, mais de 5.000 pacientes e serve de campo de treinamento aos mais de 800 alunos da escola de odontologia. A unidade realiza cerca de 28 mil procedimentos ao ano.

 

“A Bahiana tem dois compromissos fundamentais: a qualidade do ensino e o atendimento de excelência aos seus pacientes. A renovação do centro odontológico é a reafirmação desse compromisso”, enfatizou a reitora da Escola, Dra. Maria Luisa Soliani, após a assinatura do contrato.

 

A unidade conta com quatro clínicas, compostas de 30 consultórios e cada uma delas será reformada por semestre com o aporte dos novos investimentos. A primeira estará pronta em fevereiro, no retorno das aulas da instituição.

 

 

 

  Foto: Divulgação