No blog Painel do jornal Folha de S.Paulo desta terça-feira (16/02), a jornalista Daniela Lima diz que em relato entregue ao presidente Michel Temer, chefe do GSI, general Sérgio Etchegoyen, apostando que serão pacíficos os atos previstos para o dia 24 de janeiro, em Porto Alegre, onde vai ocorrer o julgamento de Lula pelo TRF-4. Segundo Etchegoyen, o esquema de segurança montado pelas forças locais vai conter qualquer tumulto.

Ainda de acordo com o blog, o militar disse ao presidente que troca informações com o comando do RS, e aposta na repetição da estratégia que garantiu atos pacíficos em Curitiba, quando o petista foi condenado em primeira instância.

A jornalista diz ainda que o chefe do GSI conversou com Temer após almoçar com o presidente do TRF-4, o desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores, de quem é próximo. A Temer, porém, falou apenas sobre os dados que havia recebido nos relatórios das forças de segurança locais.