Em sua coluna no jornal Folha de S.Paulo desta quinta-feira (03/05), a colunista Mônica Bergamo diz que o PT pretende propor aos candidatos de centro-esquerda que defendam o indulto para Lula na campanha eleitoral. O único que prometeu o perdão judicial a ele até agora foi Guilherme Boulos, do PSOL.

Segundo a jornalista, esse deve ser um dos pontos centrais do discurso de campanha do partido, caso tenha candidato próprio: tirar Lula da cadeia para que possa concorrer em 2022.

Prosseguindo, a colunista lembra que ao saber da declaração do ex-ministro Jaques Wagner de que o PT pode indicar um vice numa chapa de Ciro Gomes, a presidente Gleisi Hoffmann reagiu: “Mas ele não sabe que o Ciro não passa no PT nem com reza brava?”.

Ainda sobre Lula, Mônica Bergamo ressalta que o ex-presidente tem reclamado da programação da TV aberta, a única a que tem acesso na sala em que está preso. Ele diz que não aguenta mais ver tanto programa religioso na tela. Lula afirma também que se recusa a ver telejornais.