A 11ª Conferência Municipal de Assistência Social de Salvador terá início nesta quarta-feira (19), em evento que será realizado até sexta-feira (21), no Hotel Fiesta, no bairro do Itaigara.

A Conferência é fruto da parceria entre a Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps) e o Conselho Municipal de Assistência Social de Salvador (CMASS) e o tema é “Garantia dos Direitos no Fortalecimento do Sistema Único de Assistência Social (SUAS)”.  O SUAS foi instituído em 2005, com o objetivo de gerir o conteúdo da assistência social no âmbito federal.

Estarão participando do evento estudantes, gestores municipais, parceiros, representantes do CMASS e pessoas em situação de vulnerabilidade social.  A expectativa é de que sejam apresentados os avanços obtidos pela Prefeitura de Salvador, em relação às políticas públicas voltadas para a população carente da cidade.

Os beneficiários dos serviços sócio assistenciais poderão opinar sobre os auxílios municipais, conforme afirma Jozias Sousa, presidente do Conselho Municipal de Assistência Social de Salvador.

Apenas terão acesso aos programas o cidadão devidamente vinculado ao CadÚnico, programa federal que agrupa informações sobre indivíduos de baixa renda, com vencimento mensal de até três salários mínimos, ou cujo rateamento entre os membros da família dê um total de meio salário mínimo por indivíduo.  O programa alcança também integrantes das famílias unipessoais, pessoas que moram sozinhas, e moradores de rua.

Para se cadastrar no CadÚnico, o cidadão precisa procurar um dos 18 postos de atendimento da Semps, seja na própria sede da Secretaria, no Comércio, em uma das 10 unidades das Prefeituras Bairro ou nas demais unidades espalhadas pela capital baiana, de posse do RG, CPF, Carteira de Trabalho, Título de Eleitor ou Certidão de Nascimento, no caso de menores de idade.

imagem: secom-pms