Com contrato até junho de 2019 no Nice, Dante deixa o futuro aberto. O zagueiro brasileiro não descarta sair do clube francês ao final da temporada e deixa claro que “não fecha as portas para nada”. Após a derrota do último domingo para o PSG, ele se mostrou animado com a possibilidade de voltar ao Brasil e, questionado se tem algum determinado clube que gostaria de defender no país, abriu o coração.

– Eu tenho muita vontade de encerrar no Bahia. Meu time de coração, time que eu amo muito, mesmo que eu nunca tenho jogado. Sempre fui torcedor, sempre tive grande carinho por esse time. É o time da família, de pai, de mãe, então seria muito especial para mim terminar minha carreira lá.

O zagueiro revelado pelo Juventude (único clube que defendeu no Brasil) está há dois anos no Nice e faz parceria com Balotelli na equipe francesa desde então. Ele falou também sobre esse convívio.

– Ele é tranquilo. Um cara que tem as manias dele. Gosta de brincar, às vezes é meio avoado assim no campo, mas um cara super agradável de se trabalhar. Acho que os pequenos erros que ele cometeu no passado fez ele aprender bastante coisa e hoje ele é um outro jogador uma outra pessoa”

Ainda após a partida contra o PSG, o zagueiro brincou ao falar da sensação de perder com o gol do ex-companheiro de Seleção Dani Alves de cabeça, como um centroavante.

– Estava ali com Dani, gente boa, parceiro. Sempre bom revê-los. Pena que perder com um gol do Dani de cabeça não é brincadeira não, mas vamos lá!

Fonte: GloboEsporte.com