A entrevista do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso à Veja, publicada no dia 15, segue repercutindo no meio político e nos debates em redes sociais.

FHC sugere que se Temer não for convincente nas explicações sobre o caso da JBS (após a esperada denúncia da PGR), a melhor opção será a renúncia. E se isso acontecer, o Presidente eleito indiretamente não teria legitimidade para unir o país, devendo preparar o caminho para eleições diretas.

As declarações batem de frente com a tendência apontada pelo PSDB e, ainda que com outra fundamentação, se aproximam da pauta do PT e da esquerda brasileira em geral.

No jogo da política nacional está tudo tão instável que as peças principais apresentam dificuldades em estabelecer seu lugar e um plano de ação.

Tudo pode mudar a cada denúncia, a cada delação.