Detentor do título de Capital Nacional da Tilápia por ser o maior produtor do peixe no Brasil, o município de Glória, no norte da Bahia, promoveu a primeira Fest Tilapia na sexta-feira (27). Produtores, empresários e representantes do Governo do Estado comemoraram os bons resultados do setor e discutiram novos vetores de crescimento, com a presença do governador em exercício, João Leão.

João Leão disse que vibrou com a piscicultura local. “Percorri todo o litoral do Lago de Xingó e de Itaparica e vi o potencial que essa região tem. Hoje Glória é a capital Nacional da Tilápia e eu fiz um desafio aqui, vamos transformar toda esta região na capital mundial da Tilápia”.

A presidente da Associação Comercial e Industrial de Serviços de Paulo Afonso, Gorete Moreira, uma das entidades organizadoras da Fest Tilapia, afirmou que “mais de 200 pessoas trabalham com a produção do peixe no município de Glória, desde famílias de pequenos produtores até empresários”. A feira reuniu instituições como o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-BA) , Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf) e universidades.

Segundo o secretário da Agricultura Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura do Estado (Seagri), Vitor Bonfim, o Estado investiu R$40 mil na festa, por meio da Bahia Pesca, empresa vinculada ao ógão. “A nossa expectativa é que esse evento se consolide e atraia a atenção não só da Bahia, mas do resto do Brasil para este modelo de exploração econômica da cadeia da Tilápia, já que aqui nós temos desde o alevino até o peixe beneficiado para entregar ao mercado consumidor, que é o filé da Tilápia”.

Bonfim disse também que Glória pode servir de exemplo para outros municípios. “A Bahia possui outros 18 grandes lagos como este e diversas empresas que podem promover a geração de emprego e renda”.

 

 

Foto: Alberto Coutinho/GOVBA