Novo espaço para eventos de Salvador, a área do antigo Aeroclube, na Boca do Rio, se consolida como alternativa para receber grandes atrações a partir de 2018. Segundo o chefe de Gabinete da Prefeitura, João Roma, a exploração do espaço é disputada por diversos segmentos para realização de torneios de esportes radicais, celebrações religiosas e, claro, festivais de música.

“O sucesso deste evento fala também da recuperação de uma área degradada, de difícil acesso para boa parte da população de bairros mais distantes. Hoje, entregamos este novo espaço consolidado aos soteropolitanos, numa área privilegiada, por meio de um evento do porte deste Festival Virada Salvador, que ajudou a criar esse novo roteiro de festa para a cidade”, diz Roma.

Roma salientou ainda o sucesso na execução dos serviços municipais. “Segurança, saúde, iluminação pública. Tudo isso funcionou de acordo com o previsto. Foi um Réveillon com índices baixíssimos de violência, com a revista de acesso funcionado dentro do planejado, fazendo realmente a diferença na festa, que foi de alegria e paz para todos que aqui estiveram”, continuou.

Ainda sobre a exploração futura do espaço, o chefe de Gabinete lembrou que todo o complexo – que envolve o Parque dos Ventos, o novo Centro de Convenções de Salvador e a arena de eventos – terá vasta utilização a partir de 2018. “A população poderá utilizar o espaço para contemplação, eventos culturais e o que mais aparecer. Vamos trabalhar na melhoria da infraestrutura, para garantir sempre um espaço de excelência, deixando mais este legado para a população de Salvador”, concluiu.

 

 

Foto: Reprodução/Secom