Com o objetivo de extorquir R$ 2.400 da mãe, Lucas Figueredo Cruz, de 20 anos, forjou próprio sequestro e acabou se dando mal. Foi preso na noite desta quinta-feira (14/12), quando se encontrava em uma casa, localizada no bairro do Arraial do Retiro, em Salvador, com dois suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas.

Segundo investigadores do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), a mãe de Lucas procurou a polícia para denunciar o sequestro do filho e pedir ajuda em sua localização. A mulher falou da exigência dos ‘sequestradores’.

Na verdade, de acordo com a polícia, o valor exigido era para cobrir uma dívida que Lucas tinha com os traficantes. Ao iniciar as investigações a polícia logo percebeu que tinha alto errado na informação de sequestro.

Quando os policiais chegaram no local onde Lucas estava, um dos traficantes conseguiu escapar. O que não ocorreu com Gleidson de Jesus Souza, que foi capturado. Questionado sobre as armas que apareciam em fotos enviadas à mãe da suposta vítima, Gleidson levou os policiais até outra casa, localizada no mesmo bairro, onde foi apreendido um revólver calibre 38, com cinco munições.

Lucas foi autuado por extorsão e Gleidson por posse ilegal de arma de fogo.

Lucas (à dir.) e Gleidson – Foto: SSP-BA