O Teatro Gregório de Mattos recebe nesta terça-feira (21), às 18h, a roda de conversa “Patrimônio É…”, organizada pela Fundação Gregório de Mattos (FGM), com o tema Monumentos Públicos: Os Desafios da Preservação. A roda de conversa conta com a participação da professora Solange Araújo, do professor José Dirson Argolo, além da diretora de Patrimônio e Humanidades da FGM, Milena Tavares. A mediação fica por conta de Daniel Sande, diretor de equipamentos, mobiliário urbano e edificações públicas da Secretaria de Manutenção (Seman).

O Patrimônio É… é um projeto do Salvador Memória Viva, programa de proteção e estímulo à preservação dos bens materiais e imateriais do município. O evento aborda o patrimônio cultural em diálogo com a história, memória, arquitetura, espaço público, educação, gestão e economia da cultura. Além de manter uma pauta fixa mensal para o tema, promove a educação patrimonial, colabora no direcionamento das ações dos institutos de tombamento e registro e instrumentaliza a política municipal para atuar na valorização da memória histórica da cidade. Ao todo, serão dez encontros em 2018, com emissão de certificado ao final, para quem participar de, pelo menos, 70% das rodas de conversa.

O programa Salvador Memória Viva, da Gerência de Patrimônio Cultural da FGM, objetiva promover ações voltadas à preservação do patrimônio cultural da cidade, prevendo divulgação e recuperação de monumentos públicos, reforma dos equipamentos culturais administrados pela Fundação, além da aplicação de políticas de proteção legal a bens materiais e imateriais e o estabelecimento de rodas de conversas mensais com a sociedade. O programa pretende ampliar o entendimento do cidadão acerca dos valores que conformam sua identidade, tornando-o um parceiro no processo de salvaguarda de elementos de referência da paisagem cultural e da memória local.

Foto: Jefferson Peixto / Agecom Prefeitura