A votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC), que trata de mudanças no sistema previdenciário será o principal tema da reunião que ocorre na manhã desta quinta-feira (09/11) em Brasília. Estão confirmadas as presenças do presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, do relator da reforma da Previdência, deputado Arthur Maia (PPS-BA), e de líderes partidários da base governista, além do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e do Secretário da Previdência, Marcelo Caetano.

O objetivo principal do encontro é viabilizar a retomada das negociações para a votação da reforma da Previdência, cuja demora vem deixando o governo atordoado e mexendo com os ânimos do mercado financeiro. Segundo Arthur Maia, agora é hora de retomar as discussões para a votação da PEC da Previdência ainda neste ano.

“Pessoalmente, como relator, acredito que não há nenhuma lógica você fazer a aprovação dessa PEC sem conter a idade mínima”, disse Maia lembrando que nessa quinta será feita uma conversa para ver quais pontos da proposta aprovada pela comissão especial poderão ser aproveitados para que então seja construído um texto para ser aprovado pela Câmara e pelo Senado ainda em 2017.