A polícia desconhece a identidade dos homens que assassinaram o policial civil Luiz Alberto dos Santos, de 45 anos, fato ocorrido na noite deste terça-feira (31/10), na BA-526, em São Cristóvão. A motivação do crime também é apurada.

Quando trafegava nas imediações do Condomínio Campo Belo, o Celta que a vítima dirigia foi fechado por outros dois veículos de onde os ocupantes efetuaram vários disparos. Luiz Alberto foi atingido e acabou capotando o Celta.

O policial morreu no local, segundo informações do presidente do Sindicato dos Policiais Civis (Sindpoc), Marcos Maurício. “Mais uma vítima dessa guerra que estamos vivendo! Um trabalhador que deveria estar dando o sangue pela sociedade e foi vítima de uma emboscada, teve a vida ceifada. Um colega maravilhoso!”, desabafou o sindicalista.

Por meio de nota a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) lamentou o fato e informou que as investigações estão sob o comando do delegado Odair Carneiro.

Foto: Reprodução Sindipoc