O governador Rui Costa participou, nesta quinta-feira (8) da posse da promotora de Justiça, Ediene Lousado, que comandará o Ministério Público do Estado da Bahia no próximo biênio (2018/2020). A cerimônia foi realizada no auditório Afonso Garcia Tinoco, na sede do MPBA, no Centro Administrativo, em Salvador.

“Quis o destino que houvesse essa coincidência da posse de uma mulher à frente do Ministério Público no Dia Internacional da Mulher. Quero parabenizar o Ministério Público pelos três promotores mais votados, extremamente competentes, capazes, o que tornou mais difícil a minha escolha, mas eu considero que Ediene tem todas as condições de tocar com o Ministério Público um preceito constitucional da independência e da harmonia”, afirmou o governador.

Ediene Lousado foi a primeira mulher a assumir a chefia da instituição em 2016, quando foi escolhida pelo governador Rui Costa a partir de uma lista tríplice apresentada pelos membros do Ministério Público baiano. O governador anunciou a manutenção da promotora no cargo na última terça-feira (6).

A chefe do MPBA nasceu no município de Santa Terezinha, tem 50 anos e ingressou no Ministério Público em 1993. Ediene Lousado já atuou nas Promotorias de Justiça de Bom Jesus da Lapa, Itiúba, Caravelas, Ilhéus e Barreiras. Em 2009, foi promovida para Salvador e passou a trabalhar na Vara de Tóxicos. No seu currículo também constam, a coordenação da Promotoria de Justiça Regional de Barreiras, do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), além de ter ocupado o cargo de secretária-geral do MP.