Em pleno Itaquerão, o rubro-negro baiano conseguiu o que poucos acreditavam: interrompeu a sequência de 34 jogos consecutivos sem derrotas da equipe paulista. Foi também a primeira vez que o Vitória venceu o Corinthians jogando em São Paulo.

O gol aconteceu logo aos 11 minutos de jogo. Num contra-ataque puxado por Neílton, Tréllez recebeu na direita e chutou cruzado, a bola resvalou na marcação e morreu no fundo do gol. Vitória 1 x 0, deixando perplexos os 42.075 pagantes.

A partir daí a equipe baiana foi bastante pressionada e o goleiro Fernando Miguel fez algumas defesas importantes, firmando-se como o melhor jogador em campo. No segundo tempo, o Vitória ainda criou boas oportunidades para ampliar, inclusive fez um gol com Kanu, que foi incorretamente anulado pelo árbitro, por indicação do auxiliar Fabrício Vilarinho da Silva. O 2×0 deixaria o jogo ainda mais tranquilo. No fim, o torcedor rubro-negro ainda ficou apreensivo com os polêmicos 6 minutos de acréscimo, mas sistema defensivo do Leão se comportou muito bem e selou o grande triunfo.

Com o resultado, o Vitória foi a 22 pontos e subiu para a 18ª colocação. Ainda está numa situação muito complicada, mas o resultado inesperado deixou o Leão bem mais perto de sair do Z4 e respirar no campeonato.

Foto: Daniel Teixeira/Estadão