As vitórias conquistadas pelos brasileiros contra as tropas portuguesas durante as lutas pela independência baiana foram relembradas pela Marinha do Brasil com a cerimônia de hasteamento das bandeiras do Brasil, da Bahia e de Salvador. A solenidade, realizada no Comando do 2° Distrito Naval, no Comércio, contou com a presença de autoridades e de representantes das Forças Armadas.

O governador Rui Costa participou da cerimônia e de lá seguiu para o Campo Grande, onde colocou flores no monumento ao 2 de Julho e acompanhou o acendimento da Pira do Fogo Simbólico com a tocha vinda de Cachoeira.

“O sentimento do 2 de Julho está no povo baiano. Desde 7h30 da manhã as ruas estão lotadas, representando a paixão que é o significado histórico e simbólico do 2 de Julho pro povo da Bahia. É uma referência da história e da determinação do povo, e esperamos que os princípios que moveram a liberdade e a independência permaneçam ainda hoje, pela busca de uma melhor qualidade de vida para o povo”, disse o governador.

Antes de chegar a Salvador, a tocha saiu, no sábado (30), da cidade de Cachoeira, um dos pontos-chaves para a conquista da independência, passou por Saubara, Santo Amaro da Purificação, São Francisco do Conde, Candeias e Simões Filho. A chama representa a união de todos os que lutaram por essa conquista.
Foto: Elói  Corrêa/GVBA