O Facebook anunciou nesta segunda-feira, 8, seu primeiro produto de hardware: o Portal, uma tela conectada à internet feita para chat por vídeo, mas que também responde a comandos de voz. O monitor inteligente compete com o Amazon Echo Show e custa entre US$ 199 e US$ 349.

O Portal possui tela de 10,1 polegadas (1280 x 800) sensível ao toque e serve para fazer chamadas de vídeo com outras pessoas que possuam um dispositivo desses ou com qualquer um com Facebook ou Messenger. Ele só não permite navegar pelo Feed de Notícias.

O que você pode fazer com o Portal, além de videochamadas, é ouvir música pelo Spotify ou pelo Pandora (serviço não disponível no Brasil) e assistir a vídeos do Facebook Watch. Ele vem ainda com uma segunda versão, o Portal Plus, de 15 polegadas.

Além disso, o dispositivo conta com uma câmera com inteligência artificial capaz de se mover para acompanhar o movimento do usuário. A ideia é que você não fique “plantado” na frente da tela para falar com seus amigos, mas ande livremente pelo ambiente se quiser.

Para completar, o Portal responde a comandos de voz começando pelo gatilho “Ei, Portal”. Ele também possui recursos de realidade aumentada para acrescentar gráficos e desenhos ou filtros às imagens durante uma chamada por vídeo.

O Facebook se preocupou com a falta de confiança que muitos usuários têm na empresa. Por isso, o Portal vem com uma capa para fechar a visão da câmera quando o usuário quiser. Além disso, um botão no dispositivo corta o circuito da câmera e do microfone para que eles não possam ser acessados por software.

O Portal e o Portal Plus começam a ser vendidos em novembro, a princípio apenas nos Estados Unidos. O primeiro sai por US$ 199, e o segundo por US$ 349.

Fonte: Olhar Digital