As operadoras brasileiras pioraram no índice de velocidade do Netflix. Divulgado nesta segunda-feira, 12, o levantamento leva em conta a taxa de transferência em horário nobre obtida pelas empresas no serviço de streaming. Apesar do quadro negativo, a Live Tim continuou na liderança nos últimos 30 dias.

De acordo com o índice, as principais operadoras de internet fixa do país tiveram queda de velocidade entre 0,04 Mbps e 0,1 Mbps no mês de outubro. Embora a baixa não seja muito brusca, este foi o pior resultado do país desde o mês de maio. Por outro lado, todas as empresas se mantiveram em um patamar positivo em relação a outubro de 2017.

O índice do Netflix mostrou ainda uma liderança das provedoras com serviços de fibra óptica sobre outras tecnologias como cabo e DSL. A Live Tim apareceu na liderança com 3,13 Mbps, seguida pela Net Virtua com 3,03 Mbps e a Vivo Fibra conquistou o bronze com 2,91 Mbps. A Algar Telecom ficou em quarto com 2,51 Mbps, a Vivo Internet em quinto com 2,31 Mbps e a Oi em sexto com 2,25 Mbps.

Por fim, o Netflix alerta ainda que o índice diz respeito somente aos serviços da empresa e não pode ser tomado como uma avaliação geral das conexões. Ou seja, uma operadora pode apresentar uma boa qualidade de imagens e transmissão de filmes e séries, mas ter um desempenho ruim em relação a outros sites e serviços. Para testar a sua conexão, o usuário pode acessar o Fast.com no seu navegador ou baixar o aplicativo da ferramenta para Android e iPhone.

Fonte: Olhar Digital